Jump to content
  • Bard está expandindo suas capacidades com a integração ao Google Assistente e a possibilidade de criar seus próprios bots

    403 - Forbiddeen
    • 21 views

     Share

    O fórum oficial do Bard, a IA generativa do Google, no Reddit indicou que a ferramenta pode ganhar uma série de novos recursos em 2024 – incluindo integração com o Google Assistente e a habilidade de criar seus próprios bots.

    A informação é do próprio Google que, há alguns dias, perguntou a usuários quais recursos eles gostariam de ver instalados na plataforma ao longo de 2024. As respostas geraram uma lista de funções que podem ou não chegar neste ano…ou nunca. O usuário Dylan Roussel (@evowizz) listou algumas das mais interessantes em seu perfil no X (ex-Twitter):

    A integração com o Google Assistente já foi confirmada para este ano, assim como o suporte ao Gemini Ultra, a série de modelos amplos de linguagem que “treina” IAs e é desenvolvido e mantido pela DeepMind.

    Além disso, o site também faz menções a projetos que, até o momento, estão listados apenas em codinomes e suas naturezas são…especulativas na melhor das hipóteses: a habilidade de criar bots, mencionada acima, é referida como “Motoko”. Mas não há muita clareza no “tipo” de bot a ser criado, se ele será compartilhável etc.

    Outro recurso menciona “Tarefas”, o que pode ser bem óbvio – de repente, alguma função automatizada de coisas a serem feitas ao longo do dia (pense num “Trello”, só que com comandos de voz e interação de discurso). Mas também pode ser apenas uma atribuição a execuções em curso – por exemplo, se você pedir ao Bard que gere uma descrição de um objeto, essa ação pode se chamar “Tarefa”.

    Finalmente, a menção a “Power Up” é a mais elusiva: a tradução mais óbvia implica em melhoria de função ou funções – Roussel indica que pode ser um botão que, uma vez acionado, pode guiar o usuário a formular pedidos de forma mais inteligente e, consequentemente, extrair melhores resultados do Bard.

    data:image/svg+xml,%3Csvg%20xmlns=Imagem mostra a logomarca do Bard, do Google, em uma tela de smartphone

    Imagem: Primakov / Shutterstock.com

    Vale citar que o Bard já está disponível para uso direto desde o ano passado, mas por enquanto, apenas pelo navegador. Por “uso direto”, entenda “da mesma forma que você usa o ChatGPT”, seu principal concorrente.

    Entretanto, pode ser que você já venha usando a ferramenta sem perceber: as primeiras integrações do Bard foram com outros apps do Google, como o Gmail, Docs e Drive. Se você é usuário de algum desses, é bem provável que a IA esteja trabalhando em segundo plano para você.



    GGames, o blog que se apaixona pela tecnologia e mergulha de cabeça em assuntos, temas e discussões do universo tecnológico de forma única e inigualável.
    Imagens e vídeos de terceiros

     Share


    User Feedback

    Recommended Comments

    There are no comments to display.




×
×
  • Create New...

Important Information

Terms of Use Privacy Policy Guidelines