Sign in to follow this  
Chakal

Como funciona e quanto custa para fazer a troca de tela de Iphone?

Recommended Posts

Como funciona e quanto custa para fazer a troca de tela de Iphone?


O que fazer se a tela do seu iPhone quebrar? Se o seu iPhone caiu no chão e a tela quebrou ou se ela trincou por algum outro motivo, é hora de começar a pensar em fazer a troca da peça. O primeiro passo para isso é entrar no site da Apple para receber o suporte oficial oferecido pela empresa. Depois de inserir alguns dados básicos (como identificar que o problema é no iPhone e que se trata de uma tela rachada), a Apple apresentará três opções:

 


                                 pokemon go (2).gif

                                           Solta aquela reação para ajudar 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

  • Similar Content

    • By Pripyat
      Algum dos nossos amigos deste fórum teriam convite Bj-share que queira doar pra mim?
      Se eu tiver algo bom que tbm possa doar pra vc a gente conversa 😁 pode falar por aqui ou mp.
      Meu sonho é ter um Bj antes de pegar corona.
       
      Obrigado pela atenção!
       
    • By Allanatulu
      Com as chamadas de vídeo do FaceTime em grupo, você pode fazer uma chamada de vídeo ou áudio do FaceTime com mais de 30 pessoas ao mesmo tempo.
      Com a pandemia do COVID-19, as chamadas de vídeo tomaram uma importância muito maior do que em outros tempos, já que com o isolamento social, está é uma das melhores maneiras de se comunicar com amigos e familiares. Para além disso, o Facetime lhe permitirá reunir a galera toda, já que seu recurso de videochamada em grupo permite até 32 pessoas simultâneas.
      Neste artigo explicaremos como agrupar até 32 pessoas no FaceTime, incluindo você. Chegou a hora de juntar sua família e amigos em uma ligação em grupo do FaceTime para matar a saudade. Saiba como.
      Antes de mais nada, é importante lembrar que para participar desta vídeo chamada, é necessário que o usuário tenha um dispositivo Apple.
      Requisitos para participar de chamadas de vídeo no FaceTime em grupo
      Todos os participantes precisam usar dispositivos Apple:
      Um iPhone 6s ou posterior, iPad Pro ou posterior, iPad Air 2 ou iPad Mini 4 executando o iOS 12.1.4 ou posterior. Um Mac executando o Mojave 10.14.3 ou posterior. Além disso, os participantes precisam ter configurado o FaceTime em seus dispositivos. Para isso, basta ir em Configurações > FaceTime > e verifique se o controle deslizante ao lado do FaceTime está verde.
      Além disso, os participantes da conversa precisam configurar o iPhone para receber chamadas do FaceTime por 4G, caso não estejam conectados ao Wi-Fi. Se esse for o caso de uma das pessoas que vai participar da sua conversa, recomende que a pessoa acesse as Configurações > Celular. Role para baixo até o FaceTime e verifique se o slide está verde.
      É crucial que seus participantes realmente estejam usando ativamente o dispositivo deles antes que você possa fazer a chamada do FaceTime para eles, caso contrário eles parecerão não estar disponíveis, e você não poderá adicioná-los à chamada.
      Por esse motivo, sugerimos que você alerte as pessoas à chamada e verifique se elas estão prontas e esperando! Isso não significa que, se você não tiver uma das opções acima, não poderá participar de uma chamada do FaceTime, não poderá se conectar esta pessoa.
      O que acontece em uma chamada de FaceTime em grupo
      Para conversas com muitos participantes, a interface é dividida em duas seções. No topo, há os participantes que, durante a apresentação da WWDC sobre o novo recurso, Craig Federighi, da Apple, conhecido como "líderes". Os outros participantes são relegados para a "lista" na parte inferior. (Para grupos menores, não haverá lista - todos terão um ladrilho maior ainda mais.) O ladrilho fica no canto inferior direito.
      Os ladrilhos variam em tamanho e destaque, dependendo de quão recentemente essa pessoa falou. Quando alguém começa a falar, seu bloco automaticamente aumenta; permanecerá assim até que outra pessoa comece a falar, mesmo que a primeira pessoa pare. De maneira semelhante, alguém da lista pode ser promovido para a seção superior se começar a falar.
      Se você quiser dar a um dos participantes mais destaque, mesmo quando não estiver falando, toque duas vezes no ladrilho, e eles serão apresentados. Esse efeito não se aplica ao que todos os outros estão vendo, é claro.
      Como fazer uma chamada de vídeo em grupo no FaceTime no iPhone e iPad
      Abra o FaceTime no seu iPhone ou iPad. Toque no botão + no canto superior direito. Digite o nome ou o número da pessoa para quem você deseja ligar. Digite o nome dos contatos adicionais. Toque em Vídeo ou Áudio para fazer sua chamada do FaceTime.
      Como participar de uma chamada do FaceTime em grupo em Mensagens no iPhone e iPad
      Você também pode ingressar em uma chamada do FaceTime do grupo em andamento, a partir de um encadeamento do iMessage de grupo, se estiver entre as pessoas desse encadeamento.
      Abra as mensagens no seu iPhone ou iPad. Toque em uma conversa em grupo com uma chamada aberta do FaceTime. Toque no botão verde Participar no balão de mensagens do FaceTime. Em um Mac
      Depois de conectar-se a pelo menos uma outra pessoa no FaceTime, você pode adicionar mais pessoas à chamada clicando no ícone retangular à esquerda da tela. Uma coluna será aberta à esquerda da janela. Adicione mais contatos aqui e adicione-os à chamada em andamento. Como sair de uma chamada de grupo do FaceTime
      Se você deseja sair de um grupo do FaceTime, basta tocar no grande X vermelho.
      Como encontrar alguém no Facetime
      Enquanto uma chamada estiver em andamento, você verá blocos diferentes para diferentes participantes. Se eles são participantes do vídeo, você verá o rosto deles.
      Os ladrilhos serão maiores, dependendo de a pessoa estar falando ou falou recentemente. Portanto, é fácil encontrar alguém que esteja liderando a ligação, mas é mais difícil encontrar alguém que não esteja falando.
      No entanto, você pode rolar pelos diferentes blocos e procurar um participante específico. Depois de encontrá-lo, toque duas vezes no ícone deles para maximizá-lo. Ninguém mais estará ciente de que você fez isso. As pessoas que não participaram da chamada terão ícones coloridos diferentes na parte inferior da tela com suas iniciais.
      Fonte:Oficinadanet
       
       
       
    • By Allanatulu
      Não se desespere caso a tela do seu iPhone ou iPad não liga, ou se ele não está carregando. Muitas vezes, essas dicas podem restaurar o funcionamento do aparelho.
       
      Uma das piores sensações desta nova era digital é quando seu dispositivo, que lhe custou muitas horas de trabalho, simplesmente não responde ao seu comando. E quando se trata de dispositivos da Apple, o desespero pode ser maior ainda, pois como todos sabemos, eles não são baratos. Se você está passando por isso, e a tela do seu iPhone ou iPad não liga, ou o aparelho simplesmente não carrega, aqui temos algumas possíveis soluções.
      O que fazer quando o seu iPhone ou iPad não liga ou não carrega?

      As instruções aqui podem te ajudar a fazer seu iPhone ou iPad voltar a ligar a tela e funcionar corretamente. Caso contrário, o dispositivo tem um problema de hardware que impede a inicialização, e neste caso, lhe recomendamos uma assistência técnica autorizada da Apple.
      Conecte o iPhone no carregador e aguarde

      Pode parecer simples, mas a primeira vez que tive um iPhone, entrem em desespero. Isso porque o telefone demorou alguns minutos a mais do que o normal para ligar, após ter a bateria zerada e ser conectado ao carregador. Para minha sorte, era só uma demora, pois logo o aparelho ligou.
      E é normal que o iPhone ou iPad não ligue se a bateria estiver completamente descarregada. Geralmente, você verá algum tipo de indicador de "bateria baixa" quando tentar ligar um dispositivo iOS e ele não tiver bateria suficiente. Mas, quando a bateria estiver completamente descarregada, ela não responderá e você verá apenas a tela preta.
      Conecte seu iPhone ou iPad a um carregador de parede e deixe-o carregar por um tempo. Se a bateria estiver completamente descarregada, você não pode simplesmente conectá-la e esperar que ela responda imediatamente. Dê um tempo para carregar, e ele deve ligar logo. Isso resolverá o problema se a bateria estiver completamente descarregada.
      Verifique se o carregador funciona
      Caso o aparelho já esteja na tomada há um tempo e mesmo assim não tenha ligado, verifique se o seu carregador está funcionando. Um carregador quebrado ou cabo de carregamento pode impedir que ele seja carregado.
      Tente outro carregador e cabo, se você os tiver disponível. Além disso, mude a tomada, pode ser algum problema na fonte de energia.
      Faça a Reinicialização forçada
      Caso seu iPhone ou iPad esteja com bateria e mesmo assim não liga, ele pode ter congelado completamente, e isso acontece. Você pode tentar fazer uma reinicialização forçada pressionando os botões Power e Home ao mesmo tempo, por alguns segundos. Assim, você poderá executar o "hard reset".

      Segure Power + Home para executar uma reinicialização forçada Em outros smartphones, é possível remover a bateria do dispositivo e reinserindo-a. Porém, os iPhones e iPads não têm uma bateria removível. Em vez disso, há uma combinação de botões que você pode usar para forçar o reinício do smartphone ou tablet.
      Para fazer isso, pressione os botões Power e Home e mantenha-os pressionados. No caso do iPhone 7, pressione os botões Liga / Desliga e o botão diminuir volume.
      Mantenha os dois botões pressionados até ver o logotipo da Apple aparecer na tela. O logotipo deve aparecer entre dez e vinte segundos depois de você começar a segurar os botões. Depois que o logotipo da Apple aparecer, seu iPhone ou iPad será inicializado normalmente.
      Se esta combinação de botões não funcionar, o seu iPhone ou iPad pode precisar ser carregado por um tempo primeiro. Carregue por um tempo antes de tentar o hard reset.
      Restaure o iOS com o iTunes

      Seu dispositivo pode estar com o sistema operacional congelado. Se a tela do dispositivo exibe uma mensagem de erro em vez do logotipo normal de inicialização, com a imagem de um cabo USB e um logotipo do iTunes, faça o procedimento abaixo.
      A tela "Conectar ao iTunes" aparece quando o software iOS no seu iPhone ou iPad está danificado ou corrompido de alguma forma. Para que seu dispositivo funcione e inicialize novamente, você precisará restaurar o sistema operacional, e isso requer o iTunes em um PC ou Mac.
      Restaure o sistema operacional iOS com o iTunes
      Conecte o iPhone ou iPad a um computador com o iTunes. Para baixar no seu computador, faça o download do iTunes. Ao acessar o iTunes com o iPhone ou iPad conectado ao computador, você deverá ver uma mensagem dizendo que o iTunes detectou um dispositivo no modo de recuperação.
      O iTunes informará que "há um problema" com o dispositivo "que exige que ele seja atualizado ou restaurado". Você provavelmente precisará executar uma "restauração" que fará o download do software iOS mais recente da Apple e o instalará no seu dispositivo.
      O processo de restauração limpará os arquivos e dados no seu iPhone ou iPad, mas eles já estarão inacessíveis se o dispositivo não inicializar. Você pode recuperar seus dados de um backup do iCloud mais tarde.
      É possível colocar qualquer iPhone ou iPad no modo de recuperação, desligando-o e conectando-o a um computador executando o iTunes com um cabo USB. Pressione o botão Início e mantenha-o pressionado enquanto conecta o cabo USB. Mantenha o botão pressionado até que a tela "Conectar ao iTunes" apareça no dispositivo.
      Entretanto, você não precisará fazer isso se o dispositivo estiver funcionando corretamente. Se o seu sistema operacional estiver danificado, ele deverá inicializar automaticamente na tela do modo de recuperação, sem nenhum truque adicional necessário.
      Se nada aqui funcionou, o seu iPhone ou iPad provavelmente tem um problema de hardware. Se ainda estiver na garantia, leve-o à Apple Store mais próxima, ou simplesmente entre em contato com o suporte da Apple pelo telefone 0800-761-0867.
      Lá os técnicos vão ajudar você a identificar e corrigir o problema. Mesmo que não esteja na garantia, você pode solicitar um reparo na Apple, mas talvez seja necessário pagar por isso.
      Fonte:Oficinadanet
       
       
    • By Allanatulu
      Se exercitar é muito importante para a nossa saúde, mas se você não tem tempo disponível para ir a academia ou se exercitar ao ar livre, você pode entrar em forma se exercitando apenas em sua casa.
      Existem vários aplicativos que podem lhe ajudar a perder peso e entrar em forma em casa, como por exemplo, os 5 aplicativos gratuitos para iOS para se exercitar em casa que selecionamos para você.
      Aplicativos para iPhone para fazer exercícios em casa:
      1. Treino de 7 Minutos

      O Treino de 7 Minutos é um aplicativo gratuito para iPhone ideal para aquelas pesssoas que não tem muito tempo. Ele oferece treinos baseados no treinamento em circuito de alta intensidade, que levam apenas 7 minutos por dia para você treinar em casa sem necessidade de equipamentos e academia.
      2. Desafio de 30 dias

      Desafio de 30 dias é um aplicativo gratuito para iPhone que lhe ajuda a melhorar o condicionamento físico em um mês treinando somente em casa. Ele oferece um sistema de treinamento que aumenta passo a passo a intensidade dos exercícios para você melhorar aos poucos o seu condicionamento.
      3. Treino em Casa
      O Treino em Casa, como seu próprio nome sugere, é um aplicativo gratuito para iPhone que permite que você treine em casa sem equipamentos usando apenas o peso do corpo. Ele oferece rotinas de treino para o abdômen, pernas, braços, bumbum, assim como também exercícios para o corpo todo.

      4. Cardio & HIIT
      O Cardio & HIIT é outro app gratuito para iPhone que você pode usar para se exercitar em casa. Ele oferece 5 rotinas de exercícios diferentes para você melhorar o condicionamento e queimar gordura, como por exemplo, treino de alta intensidade, cardio clássico, de baixo impacto e potência explosiva.

      5. Hiit Workouts
      O Hiit Workouts é um aplicativo gratuito para iPhone que oferece rotinas de treinos de alta intesidade intervalado, conhecido como HITT e que promete, com menos tempo de treino por dia, queimar mais gordura que o cardio tradicional e todos os treinos são realizados utilizando apenas o peso do corpo.

      Fonte:topfreewares
       





    • By Allanatulu
      Sabemos que qualquer modelo de iPhone é bem caro e não é todo mundo que tem condições de comprar um. A parte negativa disso é que muitos consumidores procuram por meios alternativos de adquirir o smartphone da Apple e acabam sendo enganados com cópias falsas. Felizmente, há muitas maneiras de diferenciar estas versões, como você pode ver diretamente em nossas dicas para reconhecer um iPhone 7 falso. Confira logo abaixo!
      1. Preço

      Infelizmente, não existe iPhone barato, então não se iluda com preço milagrosos que encontrar pela internet. Isso também é intencional, tendo em vista que a Apple busca fazer com que seus aparelhos tenham um ar mais premium em relação aos concorrentes. Se achar um smartphone muito barato, estes geralmente são cópias falsas ou iPhones legítimos roubados (que sempre estão desativados e sem possibilidade de uso), ou seja, não valem o seu dinheiro.
      Mesmo quem vende um iPhone 7 usado não vai cobrar barato, tanto por causa do preço original que pagou como pela grande procura do público que aceita pagar valores absurdos. Se achar que o preço está baixo demais, basta prestar atenção nos detalhes adicionais que descrevemos abaixo.
      2. Tela
      O iPhone 7 está longe de ter uma tela de ótima resolução, sendo que não é nem Full HD, mas o smartphone ainda apresenta uma boa qualidade. Em geral, as falsificações usam telas de resolução baixíssima, o que você pode conferir ao comparar com outros smartphones facilmente.
      Se preferir, pode até procurar imagens ou vídeos em alta definição para ver no smartphone suspeito. Isso te dará uma boa noção da qualidade questionável da tela do iPhone 7 falso.
      3. Câmera
      A câmera do iPhone 7 é muito boa, então não vai ser difícil de ver a diferença quando você testar a câmera de um aparelho suspeito. A resolução será bem pior, ela não terá as mesmas opções do celular original e ainda demorará muito tempo para tirar as fotos.
      É muito importante que você teste esse aspecto, já que nenhum fabricante se importa em colocar componentes de qualidade nestes produtos.
      4. Sistema operacional

      Todos os iPhones falsificados usam o Android como sistema operacional, tendo apenas uma aparência simulada do iOS. O pior é que a qualidade desses dispositivos é tão ruim, que eles mal conseguem rodar versões antigas do Android sem enfrentar problemas de travamento.
      Você geralmente consegue conferir a versão do sistema operacional indo nas configurações do aparelho para ver detalhes sobre o dispositivo. Como os fabricantes destas falsificações não se importam em esconder isso, quase sempre você poderá ver que o aparelho realmente roda Android.
      5. Performance
      Como mencionamos no tópico anterior, as versões falsas do iPhone 7 não possuem um hardware poderoso e, por isso, enfrentam problemas para rodar o Android. Isso leva à erros, lentidão e muito travamento com o simples uso de aplicativos ou recursos do próprio aparelho.
      Se possível, teste a versão suspeita por alguns minutos para ver se algo do tipo acontece. Um iPhone 7 nunca teria problemas deste tipo, a não ser que estivesse seriamente danificado.
      6. Qualidade do aparelho
      Se você nunca segurou um iPhone nas mãos, esta dica pode não ser tão útil, mas ainda vale a pena conferir. Os iPhones são sempre construídos com materiais de alta qualidade, especialmente o vidro da tela e o alumínio usado no resto do corpo.
      Nas falsificações, será possível perceber a qualidade inferior facilmente, ainda mais se o iPhone 7 falso for muito leve ou muito pesado. Saber se o smartphone é à prova d’água também ajuda bastante para identificar um iPhone 7 falso.
      Além disso, você também pode verificar a qualidade dos botões físicos presentes no aparelho. Experimente apertá-los e verifique se não parecem soltos ou mal encaixados. É bem comum que iPhones falsificados tenham botões baratos e de péssima qualidade, realmente diferentes do original, onde os botões são firmes.
      7. Tela de início

      Quer uma maneira simples de saber se o iPhone é falso? Desligue e ligue o aparelho para conferir a tela de início que ele mostra. Se for apenas o símbolo da maçã, há chances do aparelho ser legítimo, mas qualquer outra coisa deve levantar suspeitas.
      Há fabricantes que nem tentam mascarar isso e deixa a inicialização do Android aparecer mesmo. Pelo menos assim fica mais fácil de reconhecer a cópia.
      8. Cartões SIM e a Siri e iTunes
      Uma particularidade dos iPhones, especialmente o 7 é que eles não aceitam Dual Sim, ou seja, apenas um único cartão pode ser utilizado. Antes de comprar o aparelho, certifique-se que ele só aceita um e pergunte ao vendedor para ver o que ele responde. Se te informarem que o iPhone aceita dois cartões, ele é certamente falso.
      Além disso, outra dica simples é verificar se o aplicativo da Siri está presente. Este só funciona em aparelhos originais, portanto, caso não consiga acessá-la, é outro indicativo que o aparelho é falsificado. Se também não conseguir conectar seu iPhone no iTunes após sincronizá-lo no computador, é bem provável que seu smartphone seja pirata.
       
      Gostou das dicas do iPhone 7?
       
      Fonte:apptuts