Jump to content
Search In
  • More options...
Find results that contain...
Find results in...

Facebook anuncia novo serviço de cloud gaming


403 - Forbiddeen

151 views

 Share
Followers 4

O conceito de cloud gaming, ou seja, jogos na nuvem, tem sido explorado na última década de diversas maneiras. Com o Xbox One, a Microsoft havia prometido que jogos poderiam aumentar seu poder de processamento gráfico usando servidores da Microsoft para computar partículas, movimento dos personagens e até efeitos de vídeo. Já em outra abordagem, serviços como o Google Stadia e PlayStation Now fazem a promessa de executar o jogo em máquinas poderosas e fazer o streaming para qualquer dispositivo via internet. 

A ideia parece muito atraente para diversos mercados, incluindo o brasileiro, já que os custos para se manter um computador ou videogame de nova geração são extremamente elevados, e mesmo em condições ideais, os servidores de cloud gaming teriam capacidade gráfica superior a qualquer aparelho para consumidores. Além disso, não haveria restrições entre jogar os melhores títulos AAA em sua televisão ou celular.  

Agora, a divisão de jogos do Facebook anunciou e liberou seu próprio serviço de cloud gaming, mas com diferenças fundamentais quando comparado às soluções já existentes. Entenda.  

 Para brasileiros que quiserem testar o novo serviço do Facebook, ou planejam usar as opções já disponíveis como o Stadia, é preciso notar que a infraestrutura de rede em diversos estados possui latência alta demais para conectar-se com os servidores. Nesse caso, pode ser necessário investir em uma VPN brasileira para otimizar os jogos.  

Facebook Gaming 

Investimentos em jogos digitais não são nenhuma novidade para o Facebook. Há alguns anos, a plataforma comprou a empresa Oculus, responsável pela disseminação e produção de óculos de realidade virtual. Além disso, a empresa investe em diversos jogos e plataformas mobile, principalmente para obter as rendas de microtransações e anúncios. 

candy facebook.jpg

Com o Facebook Gaming, que estava em beta em algumas regiões dos Estados Unidos, a proposta é um pouco diferente de seus concorrentes. Ao invés de oferecer uma experiência mais próxima a um console tradicional, com um controle de videogame e jogos de grande porte, o Facebook Gaming é otimizado para dispositivos móveis e jogos de celular. 

  Assim, o serviço é totalmente grátis. Os jogos possuem microtransações opcionais, onde parte dos lucros vão para o Facebook, e possuem seus controles otimizados para telas por toque. Com isso, não é preciso nenhum hardware adicional como dongles, controles ou transmissores, apenas um smartphone conectado à rede.  

Os jogos disponíveis já são conhecidos na App Store e Google Play, como o Asphalt 9, mas a diferença é que o aparelho não precisará ter um processador potente o suficiente para rodar o jogo em qualidade máxima, e o consumo de bateria deve ser reduzido. Além disso, jogos para celular consomem uma fatia cada vez maior do armazenamento do dispositivo, fator que em mercados emergentes é extremamente valioso.  

Mas e o iPhone? 

Em um primeiro momento, apenas usuários do Android poderão acessar o serviço. Isso acontece porque as políticas da App Store da Apple quanto a serviços que oferecem uma assinatura por apps e jogos são bastante restritivas. Para evitar competição com sua própria loja, a Apple tem a tendência de remover aplicativos que ofereçam essa possibilidade. 

De acordo com a equipe do Facebook, soluções estão sendo estudadas, como mudanças na política da App Store, negociações internas, ou a possibilidade de acessar o conteúdo visitando o site no Safari, ou seja, evitando a App Store completamente.  

Outras plataformas, como a Xcloud da Microsoft, também sofreram limitações no iOS, graças às regras da App Store. Em um debate muito semelhante, a Epic Games acabou tendo sua conta bloqueada, removendo permanentemente o jogo Fortnite do iOS.  

 O Facebook Gaming não é, portanto, um concorrente direto para serviços como o Stadia  e Xcloud, mas uma nova proposta para atrair usuários casuais ao mercado de games e uma exploração da infraestrutura de cloud gaming, que pode vir a ser determinante no futuro dos videogames. Está interessado em cloud gaming? Confira o controle desenvolvido exclusivamente para a Xcloud.

 Share

6 Comments


Recommended Comments

Ai sim muita gente que faz live em outras plataformas irão migrar para o Facebook muitos já estão fazendo isso e eu serei o próximo pois a plataforma que uso não está tão adequada no momento para mim não que ela seja ruim pelo contrário mas no momento só estou conseguindo postar vídeos no meu canal mesmo, ontem mesmo postei um que iria ir para live mais não vai ter como pelas condições da plataforma mas caso queiram assistir pelo meu canal esse é o link: 

 

Link to comment

Eu quero muito testar alguma dessas plataformas cloud, tô quase assinando algum vpn pra falar a verdade. Espero que cheguem logo no br

Link to comment

Espero q seja bem legal, obrigado pela notícia! O fato de poupar memória é essencial pra mim.

Além disso, acho que isso diminuiria a defasagem que os hardwares sofrem em tão pouco tempo.

Link to comment
Guest
Add a comment...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

  • Similar Content

    • By Allanatulu
      Nada pior do que se sentir inseguro e com medo de que alguém leia suas mensagens no Facebook Messenger, afinal, é a sua privacidade. Por isso, ative agora mesmo o bloqueio com Face ID ou Touch ID no iPhone.
       
      Você quer ter certeza extra de que ninguém está espiando seus bate-papos do Facebook Messenger quando você está longe do seu iPhone? Saiba que agora o Facebook criou uma camada extra de segurança. O aplicativo em si pode ser bloqueado quando você o fecha, exigindo que você use o Face ID ou Touch ID para abri-lo novamente, assim como acontece com o WhatsApp.
      Se você já hesitou em entregar seu telefone a um amigo por medo de que eles lessem suas mensagens, agora você pode bloquear seus bate-papos do Facebook Messenger no seu iPhone. Abaixo está o tutorial completo de como habilitar o novo recurso de privacidade.
      Você já esteve em uma situação em que desbloqueou seu iPhone e deixou um amigo ou familiar pegá-lo emprestado, e imediatamente se arrependeu dessa decisão, temendo que a pessoa pudesse acessar seus bate-papos do Facebook Messenger? Isso agora é um problema do passado.

      O Facebook está lançando um novo recurso, tecnicamente chamado de App Lock, para usuários de iPhone. Lembre-se de que você precisa configurar uma identificação facial ou de impressão digital, e uma senha no seu dispositivo móvel antes que o bloqueio do aplicativo funcione. Caso não saiba como fazer isso, veja abaixo o tutorial.
      O que é Touch ID?
      O Touch ID é um recurso da Apple que permite ao usuário autenticar sua identidade usando sua própria impressão digital. Em vez de inserir manualmente um PIN ou senha, o usuário pode apenas pousar o dedo no botão do Touch ID e desbloquear seus dispositivos iOS.
      Além disso, o Touch ID permite fazer compras na App Store ou iTunes Store, autenticar sua identidade em aplicativos de bancos e outros. A Apple permite que você armazene até 5 impressões digitais diferentes, para que você possa compartilhar o acesso a um dispositivo entre várias pessoas, se quiser.
      O desbloqueio do Touch ID é instantâneo e fácil de configurar, como você pode conferir abaixo.
      Como configurar e usar o Touch ID no iPhon
      Configurar o Touch ID em um iPhone é um processo único e muito fácil de fazer. Você pode configurar o Touch ID em menos de 5 minutos e dar o primeiro passo para tornar seu iPhone mais seguro.
      Mas antes de mais nada, verifique qual modelo de iPhone você possui. As versões mais recentes dos iPhones possuem o hardware com Touch ID, então verifique abaixo para encontrar o seu dispositivo:
      iPhone 5s iPhone SE iPhone 6 e iPhone 6 Plus iPhone 6s e iPhone 6s Plus iPhone 7 e iPhone 7 Plus iPhone 8 e iPhone 8 Plus iPhone SE 2 Se você possui algum dos aparelhos acima, você pode configurar e usar o Touch ID em seu dispositivo. O hardware do Touch ID está integrado ao botão inicial do dispositivo, portanto, toda vez que você pressiona o botão inicial, está tocando o hardware do Touch ID. Veja como configurar e usar o Touch ID em um iPhone.
      Abra o aplicativo Ajustes no seu iPhone. Vá em Touch ID e senha. Se você tem uma senha ou PIN definido em seu dispositivo iOS, você deverá digitá-la. Se você não tem uma senha no momento, precisa criar uma nova antes de configurar o Touch ID. Toque na opção Ativar senha para continuar. Em seguida, toque em Adicionar uma impressão digital. O dispositivo pede que você coloque o dedo no botão Home e o levante quando ouvir uma vibração. Continue levantando e descansando seu dedo para que sua impressão digital seja lida pelo botão Touch ID. Depois de concluído, a próxima etapa é ajustar sua digital. O leitor vai coletar as bordas externas de seus dedos, para que o dispositivo tenha uma leitura completa de sua impressão digital. Depois de concluído, sua impressão digital agora está registrada em seu iPhone.
      Agora você pode desbloquear seu iPhone usando a impressão digital que acabou de configurar.
      O que é Face ID?
      Desde o iPhone X, a Apple removeu o recurso Touch ID dos iPhones e o substituiu por um recurso conhecido como Face ID. Como o nome sugere, o Face ID permite ao usuário desbloquear seu dispositivo iOS usando seu rosto como meio de autenticação.
      A Apple afirma que o Face ID é uma tecnologia melhor e mais segura em comparação ao Touch ID, e oferece muitas vantagens. Ao contrário do Touch ID, que fica no botão Home, na parte inferior do dispositivo, o Face ID é um conjunto de câmeras e sensores alojados na parte superior das telas do iPhone.
      Meu iPhone tem Face ID?
      O recurso Face ID foi lançado em 2017. Desde então, a Apple lançou vários modelos de iPhones que vêm com o Face ID, permitindo que você desbloqueie seus dispositivos iOS com Face ID e também faça compras. Aqui está uma lista de iPhones com ID facial:
      iPhone X iPhone XS iPhone XS Max iPhone XR iPhone 11 iPhone 11 Pro iPhone 11 Pro Max Como configurar e usar o Face ID no iPhone
      Ativar e configurar o Face ID no seu iPhone é um processo muito simples. Seguindo este guia simples para configurar o Face ID no dispositivo iOS, você pode começar a usar o Face ID para desbloquear seu iPhone em minutos. Aqui está como:
      Abra o menu Ajustes em seu iPhone. Toque na opção ID facial e senha. Se solicitado, digite a senha do dispositivo para continuar. Toque em Configurar ID facial. Segure seu dispositivo na posição vertical na orientação Retrato, na frente de seu rosto, a cerca de 25 a 20 centímetros de distância. Toque em Primeiros passos para prosseguir. Posicione cuidadosamente seu rosto dentro da visualização do quadro circular e mova lentamente a cabeça em um movimento circular para completar o círculo. Depois de terminar a primeira verificação, toque em Continuar. Siga as instruções na Etapa 6 novamente pela segunda vez. Toque em Concluído quando tiver concluído as etapas. Se você ainda não configurou uma senha para o seu dispositivo iOS, você terá que configurar uma agora para ter um método alternativo para o Face ID, caso o Face ID não reconheça seu rosto.
      Como bloquear o aplicativo Facebook Messenger em seu dispositivo
      Depois de configurar o método de autenticação, você pode ativá-lo imediatamente para uso no aplicativo Facebook Messenger. Para ativar ou desativar o bloqueio do aplicativo no Messenger, faça o seguinte:
      Abra o Facebook Messenger. Não esqueça de atualizá-lo na App Store. Toque na sua foto de perfil no canto superior esquerdo. Toque em Privacidade e depois clique em Bloqueio do aplicativo.
      5. Toque em Exigir Face ID ou Exigir touch ID para ligar e desligar.

      6. Selecione quando bloquear o Messenger após sair do aplicativo (Se imediatamente, após 1 minuto, 15 minutos ou 1 hora).
      7. Quando quiser responder a mensagens ou chamadas do Messenger, toque na notificação e o bloqueio do aplicativo pedirá sua impressão digital ou seu Face ID.
      Você ainda pode ver notificações de mensagens e chamadas do Messenger quando ele está bloqueado, embora possa desativar as visualizações do Messenger. Para isso, vá em Ajustes > Notificações > Pré-visualizações e selecione 'Sempre', 'Quando Desbloqueado' (Padrão) ou 'Nunca'.

      O App Lock no Messenger vai vir para Android?
      O App Lock deve chegar ao Android "nos próximos meses" - permitindo que os usuários do Android bloqueiem seus chats atrás de um método de autenticação.
      O WhatsApp para iOS já oferece suporte ao recurso Face ID / Touch ID
      No ano passado, o serviço de bate-papo do Facebook, WhatsApp, foi atualizado com autenticação biométrica. A atualização permitiu que os usuários do iPhone travassem o WhatsApp em seus smartphones ativando o Face ID ou Touch ID.
      Fonte:Oficinadanet
       
       
       
    • By 403 - Forbiddeen
      1. Acesse esse link.
      2. Aperte o botão EXPERIMENTAR AGORA.

      3. Você será direcionado para a versão escolhida.
      4. Para trocar as cores, de claro para escuro é só clicar na seta no canto superior direito e ativar o modo escuro.

      5. Caso queira voltar, clique em MUDAR PARA O FACEBOOK CLÁSSICO.
    • By 403 - Forbiddeen
      Ver este tutorial Como ativar o novo layout do Facebook - Layout claro ou escuro
      1. Acesse esse link. 2. Aperte o botão EXPERIMENTAR AGORA. 3. Você será direcionado para a versão escolhida. 4. Para trocar as cores, de claro para escuro é só clicar na seta no canto superior direito e ativar o modo escuro. 5. Caso queira voltar, clique em MUDAR PARA O FACEBOOK CLÁSSICO. Autor 403 - Forbiddeen Categoria Redes Sociais | Messengers Enviado 11-05-2020 14:05  
    • By Allanatulu
      Ver este tutorial Como publicar fotos e vídeos 360 no Facebook
      Para tirar fotos: Confira se o seu dispositivo é compatível com a funcionalidade do aplicativo; Nem todos os celulares e tablets conseguem tirar fotos e publicá-las dentro do aplicativo do Facebook. Para o iOS, a função está disponível para todos os iPhones lançados após o 4S e tablets a partir do iPad Mini 2, iPad Air e iPad Pro. No Android a lista é mais limitada: no momento, apenas os smartphones e tablets da Samsung após o Galaxy S5 ou Galaxy Note 3 contam com a função. Mas não pen Autor Allanatulu Categoria Mobile (iOS / Android) Enviado 10-05-2020 14:15  
    • By Allanatulu
      Para tirar fotos:
      Confira se o seu dispositivo é compatível com a funcionalidade do aplicativo;
      Nem todos os celulares e tablets conseguem tirar fotos e publicá-las dentro do aplicativo do Facebook. Para o iOS, a função está disponível para todos os iPhones lançados após o 4S e tablets a partir do iPad Mini 2, iPad Air e iPad Pro. No Android a lista é mais limitada: no momento, apenas os smartphones e tablets da Samsung após o Galaxy S5 ou Galaxy Note 3 contam com a função. Mas não pense que a brincadeira fica restrita por causa disso: em dispositivos Android que não contam com a função, é possível usar a câmera do Google.
      Com a câmera ligada, ative a opção de foto panorâmica;
      No menu de configurações de foto, procure e selecione a opção de foto panorâmica.

      Mova o seu celular para registrar o panorama desejado e tire a foto para gerar a imagem correspondente.

       
      Tradução: Segure firmemente enquanto move o celular horizontalmente para melhores resultados. Abaixo: Mova o iPhone de maneira continuada quando tirar uma foto panorâmica
       
      Publique a foto em sua Linha do Tempo ou Página. Comece uma postagem, clique no ícone de câmera e faça o envio da foto como se estivesse fazendo com uma padrão.
      Uma observação importante a se considerar é que o Facebook não entende a foto panorâmica caso ela possua menos de 100°. No entanto, não existe ainda uma maneira de medir isso, então pode ser necessário alguma prática antes de conseguir postar. A linha de pensamento para que ela funcione normalmente é a de que quanto mais conseguir cobrir na foto, melhor. Com isso, a primeira parte de nosso tutorial para publicar fotos e vídeos 360 no Facebook está concluída. Vamos aos vídeos!
       
      Para publicar vídeos em sua Linha do Tempo
      Também é possível criar vídeos em 360 e publicá-los no Facebook mesmo que não possua uma câmera especial. Com o vídeo gravado, siga esses passos:
      Adicione os metadados 360 ao arquivo de vídeo
      Apesar da essa nomenclatura de “metadados 360” parecer ser um bicho de sete cabeças, é bem mais simples que parece. Primeiro é necessário baixar o aplicativo disponível para Windows e Mac que fará essa inserção.
      Descompacte, abra o aplicativo e envie o vídeo desejado
      Os arquivos de vídeo deverão estar no formato MOV ou MP4.


       
      Vá ao seu perfil e publique o vídeo gerado pelo programa
      Ao utilizar o aplicativo, ele irá gerar outro arquivo de vídeo. Entre em seu perfil, clique em Foto/Vídeo e escolha o novo arquivo, publicando-o normalmente e ele estará no modo 360!
       
      Para publicar vídeos em sua Página
      O processo é um pouco diferente para publicar um vídeo 360 em uma página sua. Novamente, é só seguir os passos abaixo:
      Faça o processo de publicar um vídeo normalmente
      Entre em sua página, clique em Foto/Vídeo e escolha um arquivo de vídeo.
      Vá nas opções Avançadas no menu pré-publicação e marque a caixa “Este vídeo foi gravado no formato de 360°”


       
      Após marcar a caixa, uma nova aba chamada “Controles 360°” ficará disponível.
      Ajuste a posição inicial da câmera durante o vídeo e publique

       
      Após acertar estes detalhes, é só esperar o vídeo terminar de ser enviado à página e publicá-lo!
      Observação importante: Cuidado com o tamanho do seu vídeo! No momento, o Facebook aceita vídeos em 360° que possuam no máximo 1,75GB e tenham até 10 minutos de duração.
      Agora que já está preparado para publicar fotos e vídeos 360 no Facebook, nos diga o que achou da novidade e o que as pessoas tem comentado de seus vídeos panorâmicos!
       
       
       
       
       
       
       


História

O GGames originou-se em 2005, quando a internet era lerda e o conteúdo de qualidade escasso. Seu fundador Bruno Tavares começou a mexer com fórum por volta de 2003. "Tive várias ideias e experiencias, boas e ruins antes de criar o GGames, comecei com versões gratuitas do IPB e desde então não parei mais." A ideia do nome GGames foi escolhido ao acaso, apenas para que o domínio .com.br fosse curto, o 'Gê' nunca teve um significado.

Nosso auge foi em 2014, quando atingimos a marca de 180 mil membros. Porém após uma falha no servidor UOLHOST responsável pela hospedagem, perdemos tudo.

Em 2017 decidi retornar com o GGames, conversei com diversos usuários e muitos apoiaram a ideia. Retornamos com uma estrutura sólida e sem a dependência de terceiros. Investimos em uma licença original da IPS e também em uma hospedagem de qualidade. Hoje nosso foco é conteúdo de qualidade e autentico. Abrimos mão do conteúdo pirata e ilícito.

Home
Search
Existing user? Sign In
×
×
  • Create New...

pc jenkins GIF by South Park

AdBlock extension detected!

GGames is maintained by advertisements for our visitors.

Please disable your browser's AdBlock Extension first, in order to use our Forum.

Rest assured, our ads will not disturb your browsing and reading.

I've Dissable